O Meu Mar

por Alexandra Santos 0

Na ilha onde vivo,

da minha porta observo

um barco encalhado

e pressinto uma água calma e quente,

mas falta o aroma,

falta o perfume do mar.

Aquele mar tantas vezes padrasto e frio,

mas que aquece o coração.

Aquele mar tantas vezes zangado e potente,

mas que fortalece a alma.

Aquele mar de cor brilhante

tocado pelo sol.

Aquele mar que beija a areia

de bandeira azul.

Em frente a ele vivo,

mas falta-me o mar,

o meu mar,

o mar de Portugal.

Alexandra Santos

Alexandra Santos nasceu em 1980, em S.Romão do Coronado, concelho da Trofa, onde ainda reside. Licenciou-se em Ensino de Português e Inglês pela Universidade do Minho em 2003, tendo trabalhado sempre, a partir daí, na área da educação. Devido ao gosto pela escrita, tornou-se igualmente escritora, sendo a autora do livro de poesia Palavras Sussurradas.

Comentários

Deixar um comentário

Faça Login para comentar.