Apanha-se mais rápido um político manipulador que um coxo

por João Mendes 0

É fatal: estes gajos não aprendem. Apesar de serem expostos vezes sem conta, não há meio de ganharem juízo. O manipulador político de terceira divisão, tal como o mentiroso, é sempre mais fácil de apanhar que um coxo. Quando ao hooliganismo se junta cegueira pseudo-ideológica, acaba sempre por dar nisto, chega a ser triste de tão pateta. Mas mais que ser apanhado, este individuo(a) acaba por revelar ao que vem e, por indução, torna-se relativamente fácil de perceber em que equipa poderá alinhar.

Na sequência da minha última publicação neste espaço, onde falei sobre aquilo que percepciono como uma “manobra do coitadinho” por parte do director do Correio da Trofa, fui visitado pelos saudosos anónimos político-partidários que pensava reformados. Como é seu apanágio, falaram de tudo menos do assunto e dissertaram sobre boatos e outras parvoíces que são a sua imagem de marca. Nada de novo portanto.

Fazendo uso da minha experiência com este tipo de sujeitos, fiz questão de lhes responder e fui tentar perceber quem eram. Aparentemente, eram duas pessoas mas, como o manipulador em causa sofre de aparentes limitações cognitivas, rapidamente se percebeu que se tratava de uma pessoa, possivelmente afectado por um distúrbio de dupla personalidade, que apesar de escrever em registos distintos, não teve o cuidado de publicar através de IP’s diferentes. Reparem no primeiro comentário do sujeito na sua versão original:

Também houve testamento á tentavida de agressão do Manike Araújo ao Drº- Sérgio Humberto? É bonito que o irmão ex. assessora da ex.presidente de câmara tenha tentado agredir o atual presidente e já agora uma cartinha aberta ao Drº- Pedro Ortiga e ao Sr.Hermano Martins, pela tentativa de baixar e denegrir as “SEXTA CONVIDA

Respondi-lhe eu:

Olha um arruaceiro! que saudades! é sempre bom ver estas reacções dos cobardes politico-partidários que não mostram a cara.

Quanto ao primeiro tema, já ouvi versões em que é o Dr. Sérgio Humberto e restante equipa que tentaram e/ou agrediram o Manike Araújo e a namorada. Mas como isso dos boatos é para gente como o caro cobardola, deixo para si e para as reuniões da sua claque.

Quanto ao Sr. Ortiga e ao Sr. Martins denegrirem as Sexta Convida, desconheço sobre o que fala mas mesmo que conhecesse não ia escrever a pedido de um qualquer cobarde afecto ao poder que se esconde por trás de uma máscara. Isso era no tempo do vosso blogue de incendiários rascas meu caro ou minha cara, seja lá o que você for.

E volte sempre, é bom ver como o poder defende o jornal do regime. Fico sempre muito comovido!

Nisto, surge alguém a fazer-se passar como um segundo comentador:

Chamar arruaceiro e cobarde a esse anonimo fica-te um bocado mal João Mendes.
A tentativa de agressão ao Drº- Sérgio Humberto existiu, porque eu vi com os meus próprios olhos e foi o Manike que começou a mandar bocas. Quando a tentativa de denegrir as Sextas Convida basta ires ao facebook do Hermano e tens lá a respota

Respondi-lhe eu:

“Não fica nada sabes? Mal fica fazer esssa figura de falso cidadão comum para tentar fazer passar uma ideia falsa. Eu conheço pessoas com cara que afirmam a pés juntos que foi exactamente ao contrário. mas sinceramente não me interessa, boatos são para políticos e eu tenho nojo deles.

Quanto à tentativa de denegrir ao Sextas feiras convida, se te referes a uma foto com a rua vazia a tua acusação é pura e simplesmente patética.”

Nisto, regressa o primeiro heterónimo:

meu caro João Mendes…Arruaceiro e cobarde são palavras que não me caracterizam. Como não sou líder de nenhuma claque, nem pertenço a nenhuma não vou a reuniões como deves compreender.
Coisa que não sou é CEGO e graças a deus não tenho problemas de vista. Posso não perceber muito de política, mas sei ver que desde de Setembro de 2013 a Trofa mudou e para MELHOR.
Quando eu falei na tentativa de agressão do Manike ao Srº- Sérgio, falei do que VI, porque me encontrava no local. E quando falei da tentativa de denegrir as “Sextas convida”, também falei do que VI, basta ires ao facebook do Sr.Hermano e ver o que tá lá.
Mas agora falando de outras coisas. Tenho pena como Trofense (não pertenço e não tenho nenhum partido politico, só tenho clube e esse chama-se F.C.P) de ver certas atitudes de pessoas ligadas ao PS e não só. Vai-se construir um alternativa á EN14 e o PS é contra – Resolveram esse problema durante 2009-2013? Começaram a requalificação na estrada nacional em frente ao Posto médico até á rotunda do Cícuclo – Jornalista do Noticias da Trofa, começa a criticar, quando existe um aviso de 1 semana avisar da obra. Vai-se requalificar o parque das azenhas(aquele que a Drª- Joana mandou construir em 3 meses para ganhar eleições) e começou tudo a moer… As obras do Parque nossa senhora das dores e Lima carneiro estão a ficar concluídas, já vejo algum descontentamento do PS. Agora pergunto, porque é que o PS está sempre contra? Tem resposta?
Não quero incendiar ninguém, quero que haja respeito e que deixem quem está á frente a Trofa trabalhar.
Cumprimentos

E, finalmente, respondi-lhe eu:

Alguém que vem para aqui falar de um tema que nada tem a ver com o tema do artigo é arruaceiro. E não dando a cara pelo posicionamento que tenta esconder faz dele um cobarde. Quanto aos temas porrada e Sextas Convida já respondi em cima. Quanto à restante propaganda nem me vou dar ao trabalho. Respeito? Vocês tiveran algum respeito pelo trabalho do PS? Queriam o quê? Vocês são todos iguais e como tal tratam-se de igual forma. Já deviam estar habituados. Eu que não sou do PS estou me nas tintas para essas criticas. Leve as para o mural dos socialistas! Oh, desculpe: esqueci me que no Facebook não dá para ser tão anónimo. Mas pode sempre fazer outro perfil falso!

Mas quer mudar de assunto? Falemos de ajustes directos. Que lhe parece o tema? Volte sempre!

Apesar de aparentemente estarmos perante duas pessoas distintas, a verdade é que ambas partilham o mesmo IP. Mas apesar de se ter revelado um mentecapto fácil de apanhar, desengane-se quem pensar que este perturbado é obrigatoriamente afecto à direita trofense. Tanto quando me é possível vislumbrar, existem aqui duas possibilidades. A mais provável diz respeito ao típico carneiro apoiante incondicional da coligação, instrumentalizado ou a solo. Um clássico do humor local.

Por outro lado, e aqui a manobra tornar-se-ia mais requintada, podemos estar perante um opositor socialista que, usando das “boas práticas” panfletárias cá do burgo, tão magistralmente dominadas por alguns bandalhos políticos locais, ataca o PS em todas as dimensões possíveis para de seguida poder puxar do tema-boato do momento que diz respeito ao suposto momento de violência que envolveu, há umas semanas atrás, o presidente da CMT. Desta forma, o parvo tenta afastar de si qualquer suspeita de integrar a oposição e traz à baila o tema que pretende, tema esse que poderá ser muito útil no período pré-eleitoral em que já entramos.

Em qualquer dos casos, a verdade é uma e o histórico fala por si. As estruturas do bloco central trofense englobam militantes sem carácter que são capazes de tudo na guerra subterrânea dos cobardes com vista à manipulação da opinião pública. Alguns destes esquemas são inclusive do conhecimento de elementos que dirigem estas estruturas, o que torna ainda mais grave este tipo de situações. Que triste que é termos gente deste baixo nível entre os que nos governam. Vergonhosos mentecaptos. Não admira que se peguem à porrada no meio da rua e que respondam a argumentos com ataques ad hominem. Trastes.

João Mendes

Radicalmente contra todas as formas de instrumentalização dos recursos públicos em função dos apetites partidários e com um apetite insaciável pela desconstrução de mentiras e outros embustes que nos são diariamente oferecidos pelas elites dirigentes, a minha luta é por um concelho da Trofa mais transparente, mais íntegro e no sentido da evolução contínua, onde o poder cuja função é servir-nos pode e deve ser questionado. Das pessoas para as pessoas, sem medo nem clientelas.

Comentários

Deixar um comentário

Faça Login para comentar.