Últimos Artigos

por José Calheiros - 2018-03-28 22:45:00

O jogo de(mora) uma vida

Não sei se devia ambicionar mais da vida (talvez ser um senhor) mas na verdade, anseio, semana após semana, desde há muitos anos, pelo domingo de manhã, onde às 11 horas, sem falta, nas coordenadas - Latitude: N...

por Nuno Martins - 2018-03-26 22:30:00

Via Sacra em Alvarelhos

Em tempo pascal vão-se fazendo um pouco por todo o lado as Vias Sacras, a representação da Paixão de Cristo.

Como já é tradição, o Grupo de Jovens de Santa Maria de Alvarelhos vai...

por João Mendes - 2018-03-24 12:05:00

Serviços públicos só para alguns

Recentemente, dei por mim a precisar de um documento, que segundo me informei teria que ser requerido na Loja do Cidadão que existe no Centro Comercial da Vinha. Qual não foi o meu espanto – por acaso até nem foi assim...

por A. Grevy - 2018-03-21 22:45:00

História #3 – Parem o Mundo! Deixem-me sair!

Século XXI, civilização avançada, primeiro mundo, era moderna… Tudo mentira! Continuamos a ser seres completamente bárbaros, de valores entorpecidos, de maldade intrínseca, predadores sem respeito...

por A. Grevy - 2018-03-06 23:20:00

História #2 – Quimeras Trofenses!

Há uma coisa na Trofa (entre outras) que me deixa um bocadinho impressionada.  A quantidade de casas ao abandono que existe pela cidade fora,  nomeadamente no centro,  é no mínimo alarmante.  Esteticamente...

por Nuno Martins - 2018-03-04 23:15:00

Entrada perigosa

Não sei se alguma vez esteve ou está prevista uma infraestrutura que permita vencer com segurança o grande desnível existente entre a ponte pedonal sobre o Ave e ruas adjacentes, e as margens do Rio Ave, na ponta mais...

por José Maria Moreira da Silva - 2018-02-27 23:30:00

Lutas intestinais nos partidos

A primeira finalidade da existência de um partido político é a procura deliberada da conquista e do exercício do poder, para depois de se instalar no poder passar a ser a manutenção do poder a todo o...

por Alexandra Santos - 2018-02-24 20:30:00

O Meu Mar

Na ilha onde vivo,

da minha porta observo

um barco encalhado

e pressinto uma água calma e quente,

mas falta o aroma,

falta o perfume do mar.

Aquele mar tantas vezes padrasto e...